PSICOMOTRICIDADE COMO ALIADA DA CLÍNICA DE PSICOLOGIA INFANTIL

3 de junho de 2018 0
kids.jpg

Psicomotricidade, segundo a Associação Brasileira de Psicomotricidade¹, é a ciência que estuda o homem e suas relações com os mundos internos e externos, por meio do corpo em movimento. Isso significa que o profissional da área reconhece, no movimento e nas respostas aos jogos, a forma como o indivíduo organiza o pensamento e se relaciona.

São oferecidas ferramentas que demonstram como a criança está se desenvolvendo, como é a resposta a determinados estímulos, como vai o desenvolvimento motor, cognitivo e afetivo. Essas são as bases da compreensão psicomotora. Na clínica infantil, o psicólogo pode propor jogos e atividades nos quais o público infantil utilize o corpo para responder. E a forma como isso ocorre pode auxiliar na compreensão do motivo que levou o paciente à clínica.
Os estudos² demonstram que crianças com atrasos no desenvolvimento psicomotor encontram maior dificuldade na aprendizagem da leitura e da escrita (Silva, Oliveira e Ciasca, 2017). A informação é fundamental, porque apresenta a importância de se trabalhar atividades psicomotoras desde os anos iniciais. Quando o atendido não consegue fazer movimentos amplos, por exemplo, um arremesso de bolinha, como poderia pedir que ele apresente uma letra cursiva, que é um movimento de coordenação motora fina?

Quando eu me proponho a trazer a Psicomotricidade para a Clínica de Psicologia Infantil, apresento uma proposta que vai além do lúdico, que é necessário ao atendimento terapêutico para crianças, algo que supera os significados dos jogos tradicionais. A ideia é resgatar o movimento dos jogos infantis, o contato com o chão, trabalhar a coordenação motora e o senso espacial com jogos básicos como arremesso de argola ou um simples peão. É brincar com cores, formas, cheiros, texturas e permitir que a criança reconheça os limites e possibilidades do corpo, em um trabalho para o desenvolvimento da autoestima saudável.

¹ Site da Associação Brasileira de Psicomotricidade: www.psicomotricidade.com.br
² SILVA, Samara Lilian Zulian Ruas da, Oliveira, Maria Carolina Camargo de, & Ciasca, Sylvia Maria. (2017). Desempenho percepto-motor, psicomotor e intelectual de escolares com queixa de dificuldade de aprendizagem. Revista Psicopedagogia, 34(103), 33-44. Recuperado em 31 de agosto de 2017, de http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84862017000100004&lng=pt&tlng=pt


Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


logo-br

A Aelius é uma Clínica Integrada de Psicologia e Saúde, um espaço de atendimento multidisciplinar de referência, com profissionais altamente qualificados e acompanhamento terapêutico que proporciona uma vida melhor a quem procura estar bem.

Últimas Notícias

Copyright 2018 Aelius – Desenvolvido por www.brclick.com.br